PSICODIAGNÓSTICO INFANTIL

 

Consiste num processo de avaliação psicológica, delimitado no

tempo com algumas etapas específicas como o enquadre onde

são acertados valores, prazos, objetivos, entre outros; anamnese;

aplicação de testes; correção e análise dos dados; encerrando com

a devolutiva aos responsáveis. Na realização do psicodiagnóstico

infantil, a criança deve ser compreendida como parte de um

contexto familiar e maior, onde possivelmente foi produzido o

sintoma. É importante frisar que os resultados dessa avaliação

retratam o momento atual da criança e não deve ser tomado

como verdade absoluta e imutável.